Hankido
     A palavra hankido na verdade consiste em três palavras diferentes:

     Han: Coréia, cultura e mentalidade coreana.
     Ki: Ki (energia vital)
     Do: Caminho

     Então poderíamos dizer que o hankido é: O caminho do povo coreano para desenvolver sua energia interna. É claro que o hankido não é só para o povo coreano, nós, estrangeiros do mundo inteiro podemos e deveríamos práticar esta arte marcial e nos beneficiarmos dela.
     O Hankido é um estilo relativamente novo de hapkido, desenvolvido recente pelo "Kuksanim" Myung Jae Nam. Myung Jae Nam estudou o hapkido tradicional com Ji Han Jae que formou a base desta nova arte. O Hapkido tradicional consiste em algo em torno de 3000 técnicas, mas os discípulos de Myung queriam algo mais, algo que pudesse ser um tema de estudo inesgotável dentro de sua arte marcial.
     Com isto, Myung Jae Nam, depois do contato com um mestre de aikido japonês, chegando inclusive a ser o representante daquela arte na Coréia, desenvolveu o seu próprio estilo de certa forma baseado no hapkido e no aikido. Também é sabido que o povo coreano, devido a ocupação japonesa, é muito averso a idéias e pensamentos oriundas do Japão, então, Myung Jae Nam decidiu dar a sua nova arte um nome coreano que melhor correspondesse à a mentalidade coreana. Myung Jae Nam teve contatos com o japonês Aikikai e escreveu um livro no qual ele explica tando o aikido e quanto o hapkido. O livro também caracteriza um quadro de Morihei Ueshiba (o fundador de aikido). Neste livro você pode ver muitas das técnicas de hankido modernas em uma forma um pouco áspera. Durante os 1970 ele era o representante oficial na Coréia para o Aikikai.

     Myung Jae Nam começou o desenvolvimento do estilo que nós conhecemos agora como hankido nos anos oitenta.
Este novo estilo de hapkido é facilmente reconhecido por seus movimentos elegantes, circulares que o praticante de hankido usa para adquirir o controle do seu opnente. É claro que isto está em parte devido ao fato que o hankido tem suas raízes em parte em aikido, mas também devido ao fato que Myung Jae Nam que era um dançarino talentoso misturando as técnicas com dança coreana tradicional. Esta parte de hankido é chamada: Moo Yae Do Bub.

     O Hankido foi introduzido primeiro oficialmente durante os 1ºs. Jogos de H.K.D Internacionais em Seul, Coréia do Sul. O desenvolvimento de hankido não parou lá, e nos anos que se passaram depois da introdução do hankido este perdeu algumas de suas características mais duras. Myung Jae Nam visitou a Europa e os Estados Unidos para promover a nova arte até a sua morte em 1999. Durante a 3ª edição destes jogos, Myung Jae Nam introduziu uma outra arte, a qual chamou hankumdo.
No Brasil o Hankido, bem como, o Hankumdo, são representados exclusivamente pelo Grão Mestre Sérgio Fernandes (que também representa a IHF no Japão) através da Confederação Brasileira de Hapkido-Hankido-Hankumdo - Semokwan - IHF.
A IHF (International Hapkido-Hankido-Hankumdo Federation) é o orgão máximo do desta nobre arte e tem sede na Coréia do Sul.
     A diferença entre hapkido e hankido é que o hankido é uma arte muito mais interna onde hapkido é uma arte semi-interna. Em hankido os princípios de Won (circulo), Yu (água, fluidez, não resistência), e Hwa (harmonia) são muito mais visíveis na aplicação das técnicas. Para facilitar ao praticante de Hankido um maior aprofundamento nestes princípios, há três exercícios que podem ser praticados, conhecidos como Sam Dae Wolly.

     O nome do exercício que representa o principio do círculo é Jeon Hwan Bob, o do exercício que representa o princípio da fluidez é Young Nyu Bob e o que representa o princípio da harmonia se chama Shim Hwa Bob. Este último também é conhecido como o nome do exercício do remo.

     E a diferença entre o Aikido e o Hankido é que no Hankido as técnicas têm uma finalização enquanto que no Aikido, generalmente, se dá a oportunidade ao agressor, depois de receber a técnica, fugir.

     Fora isso, os practicantes de Hankido devem aprender um grande número de chutes, como é de se esperar em uma arte marcial coreana.
     Outro aspecto sem igual de hankido é que consiste em doze técnicas de autodefesa básicas (ho shin ki) que são conectadas a 24 técnicas de respiração: doze para o defensor chamado 'Técnicas do Céu' (Chun Ki Bub) e doze técnicas para o atacante chamado 'Técnicas da Terra' (Ji Ki Bub). Céu e Terra são opostos entre si e assim se assemelham ao Yin e Yang chinês.
     Claro que há mais técnicas no hankido que estas doze técnicas de círculo, mas estas formam a base estável para todo praticante de hankido. "Seria melhor a treinar cada uma das técnicas mil vezes do que práticar mil técnicas só uma vez".
Um site feito para amantes da milenar arte da luta
MUNDO MARCIAL